Rússia alerta para banho de sangue na Venezuela

A Rússia afirmou nesta quinta, 24, que Nicolás Maduro é o presidente legítimo da Venezuela e que tentativas externas de usurpar o poder descumprem com a lei internacional.

China e Turquia também disseram ser contra uma eventual interferência dos Estados Unidos.

O porta-voz do governo russo, Dmitri Peskov, afirmou que uma intervenção é “inaceitável” e que uma intervenção militar dos EUA no país poderia abrir espaço para o caos e “um banho de sangue”.

Rússia e Maduro são aliados.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s