Disjuntor derrubou a energia em 14 estados

Lembra o apagão do dia 21 de março, que deixou cerca de 70 milhões de pessoas nas regiões Norte e Nordeste sem energia?

Pois o ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico) concluiu que a causa foi uma falha no ajuste de um disjuntor da subestação Xingu, que integra o sistema de transmissão da usina de Belo Monte, no Pará.

O ajuste foi feito pela equipe técnica da Belo Monte Transmissão de Energia, que opera a subestação. A empresa é controlada pela chinesa State Grid e pela Eletrobras.

Relatório final sobre a ocorrência deve ser entregue à Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) em até 15 dias, para análise de responsáveis e eventuais penalidades.

Segundo o ONS, o sistema de proteção do disjuntor foi ajustado erroneamente para operar com, no máximo, quatro mil amperes, embora tenha capacidade para operar com até cinco mil amperes. Quando a corrente superou esse limite, o disjuntor caiu, derrubando a ligação entre Belo Monte e o resto do país.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s