Viagens suspensas

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, informou que não irá liberar nenhum deputado para viajar ao exterior em missão oficial na semana do dia 23 de outubro. O objetivo dele é garantir quórum alto no plenário para a votação da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer.

Até esta segunda, sete deputados já haviam pedido à Câmara para se ausentarem das votações em plenário na semana do dia 23.

Temer é alvo de uma segunda denúncia da Procuradoria Geral da República, desta vez por organização criminosa e obstrução à Justiça. Caberá à Câmara autorizar ou não o Supremo Tribunal Federal (STF) a analisá-la. Além dele, a denúncia envolve ainda os ministros Moreira Franco (Secretaria-Geral) e Eliseu Padilha (Casa Civil).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s