Izabel repudia declarações na rede e cobra segurança

Na Câmara de Mossoró, a presidente Izabel Montenegro (PMDB) utilizou subiu à tribuna nesta terça (06), para comentar o aumento da criminalidade no estado do Rio Grande do Norte e a invasão à sua residência.

A vereadora, vítima da onda de violência que atinge o município, lamentou a atitude de algumas pessoas nas redes sociais sobre a violência sofrida por ela e o assassinato do servidor da UERN, Hiroito Falcão, morto durante assalto no último final de semana.

A parlamentar disse que ficou chocada quando viu algumas pessoas desejaram que os parlamentares sofressem violência desse tipo.

“Algumas pessoas não têm o entendimento do papel e o limite do vereador. Nesta Casa, solicitamos audiência pública para falar sobre o aumento da violência. Eu e outros vereadores nos reunimos com o governador Robinson Faria, já encaminhamos pedidos ao Governo do Estado”, afirmou.

Alex Moacir (PMDB) disse que o tema é recorrente e pediu providências. “Mataram o servidor da UERN, invadiram a residência da senhora. Qualquer cidadão, independente da posição social, pode ser vítima dessa violência que atinge o estado. O que nos cabe é pressionar ainda mais o governador”, reclamou.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s